Rádio Nova Esperança FM - Uma Nova Esperança Está No Ar!

Associação Nova Esperança
Copa do Mundo 2014: será esta a melhor copa da história?
  • Copa do Mundo 2014: será esta a melhor copa da história?

  • Postado em 01, jul 2014 por: Anderson Ferreira

Copa do Mundo 2014: será esta a melhor copa da história?Surgido nas redes sociais há um ano, o bordão “Imagina na Copa” se tornou uma advertência contra o futuro sombrio que estava por vir. Se nas grandes cidades o trânsito não fluía, se o voo atrasava, se manifestantes promoviam quebradeiras, se qualquer indicador negativo aparecesse, alguém sempre evocava o “Imagina na Copa” para lembrar que os brasileiros estavam prestes a viver o próprio inferno na terra. O Mundial no Brasil já se aproxima das quartas de final e ninguém poderia imaginar que ele seria tão bacana.

Uma verdade inegável é que o Brasil está realizando uma Copa extraordinária. E por diversos motivos: recordes de gols, estádios sempre lotados, show das torcidas também nas ruas, embates cheios de drama e emoção. Quem poderia imaginar tudo isso?

Será esta a melhor Copa da história? Impossível responder com certeza, mas os sinais são promissores. Alguns indicadores confirmam a excelência dos jogos realizados no país. Após o encerramento da primeira rodada, foram marcados, em média, 3,06 gols por partida. É a melhor marca desde a Copa de 1958. O número surpreende porque o futebol mudou nas últimas décadas. Os sistemas defensivos ficaram mais eficientes e a disparidade técnica entre os times diminuiu.

Dentro de campo, os números da Copa no Brasil são superlativos. Na primeira rodada, o tempo de bola rolando foi de 70 minutos por partida. Para efeito de comparação, na primeira rodada do Campeonato Brasileiro a marca mal chegou a 54 minutos. Como se deu o milagre? A resposta é fácil: os times estão fazendo menos faltas. Foram, em média, 26,6 infrações por jogo na primeira semana de Copa, dado muito abaixo do registrado em 2002 (35,4), ano da última conquista mundial do Brasil. O resultado disso tudo é um jogo que flui melhor, mais dinâmico e de maior qualidade.

Os jogadores acertaram ao final da primeira rodada 86% dos passes, o maior percentual da história das Copas (o recorde era o de 2006, com 84,1% de precisão). O Mundial no Brasil parece ser o de recordes. Na histórica partida em que a Holanda destruiu a Espanha por 5 a 1, Robben fez um gol depois de uma disparada a 37 km/h. Segundo a Fifa, é a maior velocidade já registrada em um campo de futebol (o recorde anterior era do inglês Walcott, que correu a 35,7 km/h).

A Copa no Brasil tem sido uma surpresa até no campo econômico. Estimativas do governo indicam que os turistas brasileiros e estrangeiros devem gastar R$ 6,7 bilhões nas 12 cidades-sede, bem acima do que havia sido projetado. É, a festa está linda, dentro e fora dos gramados. Quem poderia imaginar tudo isso?

 

Fonte: Revista Isto é

384 Total de visitas 1 Visitas hoje

Etiqueta(s): ,

Natural de Malhada de Pedras, é jornalista pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) e pós-graduado em Comunicação e Marketing em Redes Sociais, pela Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC).



Voltar