Rádio Nova Esperança FM - Uma Nova Esperança Está No Ar!

Associação Nova Esperança
Emprego: IBGE divulga mais um edital de concurso para o Censo 2017
  • Emprego: IBGE divulga mais um edital de concurso para o Censo 2017

  • Postado em 25, abr 2017 por: Nova Esperança FM 87.9

A Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está com inscrições abertas para o Processo Seletivo voltado à contratação de profissionais temporários para a realização do Censo Agropecuário 2017.

Executado pela Fundação Getúlio Vargas, a seleção visa o preenchimento de 24.984 vagas, distribuídas entre todos os Estados brasileiros, para as funções de Agente Censitário Municipal (1.272) e Agente Censitário Supervisor (4.867), ambas de Nível Médio e com duração de contrato de sete meses; e Recenseador (18.845), de Nível Fundamental, com duração de contrato de até cinco meses.

Para a região de Brumado, que também compreende os municípios de Aracatu, Malhada de Pedras e Guajeru, há seis vagas para Agente Censitário Supervisor e uma para Agente Censitário Municipal. Em Malhada de Pedras serão cinco vagas para Recenseador

Os profissionais contratados farão jus a remunerações de R$ 1.600 e 1.900, no caso dos cargos de Nível Médio. A retribuição mensal do Recenseador será por produção, calculada pelo setor censitário. A jornada de trabalho para os cargos de Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor será de oito horas diárias, enquanto a carga horária para o cargo de Recenseador será de, no mínimo, 25 horas semanais.

Os interessados devem se inscrever até o dia 23 de maio de 2017, exclusivamente via internet, pelo site www.fgvprojetos.fgv.br. A taxa de inscrição será cobrada no valor de R$ 22,00 ou R$ 39,50.

A prova objetiva para todos os cargos está prevista para o dia 16 de julho de 2017, das 13h às 17h, horário oficial de Brasília (DF). Os locais para realização das provas serão divulgados no site www.fgvprojetos.fgv.br.

 

618 Total de visitas 2 Visitas hoje

“O rádio é a escola dos que não têm escola, é o jornal de quem não sabe ler, é o mestre de quem não pode ir à escola, é o divertimento gratuito do pobre, é o animador de novas esperanças, o consolador dos enfermos e o guia dos sãos – desde que o realizem com espírito altruísta e elevado, pela cultura dos que vivem em nossa terra, pelo progresso do Brasil.” (Edgard Roquette Pinto)



Voltar