Rádio Nova Esperança FM - Uma Nova Esperança Está No Ar!

Associação Nova Esperança
Padre Gilvan divulga carta aberta à comunidade católica da Diocese de Caetité
  • Padre Gilvan divulga carta aberta à comunidade católica da Diocese de Caetité

  • Postado em 05, ago 2016 por: Nova Esperança FM 87.9

Logomarca-768x461

O coordenador Diocesano, Pe. Gilvan Pereira Rodrigues, divulgou nesta quinta-feira, 04, uma carta aberta direcionada aos padres, religiosos e religiosas, seminaristas e leigos da Diocese de Caetité. Na carta, Pe. Gilvan fala do período de vacância da Diocese de Caetité, que completa um ano, e da maturidade e discernimento como a Diocese vem caminhando nesse tempo. Fala dos desafios enfrentados e finaliza fazendo um convite: “Avancemos para águas mais profundas!”. Confira a carta na integra. 

 

Caetité, 04 de Agosto de 2016.

Amados irmãos Padres,
Religiosos e Religiosas,
Queridos Seminaristas,
Estimado Povo de Deus,
Paz e bem!

Há um ano eu estava sendo eleito Administrador Diocesano, sem ter noção do tempo que prestaria este serviço. Hoje, um ano passado, é hora de olhar para trás e agradecer. Nunca duvidei da força e da assistência do Espírito Santo de Deus em nossa vida. Nesta experiência, mais do que nunca, tenho certeza de que a Igreja nunca caminha sozinha: há um SOPRO a inspirar-lhe, mostrar por onde devemos andar…

Diante de tantos desafios nesta diocese, desde as complexas questões administrativas, às questões sócio-ambientais, bem como as pastorais, etc. exige-se um grande discernimento para poder atuar, pois tempo de vacância é tempo em que não se faz qualquer inovação: Sede vacante nihil innovetur!  Mas o tempo passa e as coisas caminham! As necessidades históricas e eclesiais forçam tomadas de decisões. Exatamente aí não nos faltou o discernimento e a luz do Espírito que conduz esta diocese, de tal forma que o que é feito, como reza a sua Bula  de criação, seja para o “maior bem das almas”!

Não poderia deixar de dizer um MUITO OBRIGADO neste ano de dedicação, trabalho, eventos extraordinários e também muitas preocupações!

Um muito obrigado ao POVO DE DEUS desta amada diocese que caminha rumo ao Reino definitivo, com audácia, com esperança, com  compromisso!

Alimentados pelo pão da Palavra e da Eucaristia, temos nossos olhos fixos em Jesus! Não perdemos o foco! Somos uma Igreja Ministerial. No alto dos seus mais de 100 anos de vida, com a maturidade espiritual que nos é peculiar, como nordestinos, acostumados a sermos sujeitos do nosso fazer histórico, continuemos no caminho da retidão e prudência evangélica.

É na diversidade de dons e carismas que encontramos o pronto central da Comunhão  e da Unidade.  Todos sabem que temos um PLANO DE PASTORAL feito a partir das bases, dentro do que orientam as Diretrizes Gerais da CNBB e do Regional: somos fiéis às decisões tomadas em assembleia e os Leigos são cada vez mais protagonistas desta história que construímos juntos, no sacerdócio que nos é comum! Numa Diocese, com Espírito de Comunhão e Responsabilidade, este empenho é de fundamental importância!

Mas o que mais me surpreendeu neste tempo de Vacância é a MATURIDADE do nosso Clero jovem, capaz de caminhar, assumindo todas as Responsabilidades, e mantendo o ESPÍRITO DE UNIDADE e de FRATERNIDADE entre nós. Dentro de um ano foram mais de 10 encontros entre formação, Conselhos (CPDs), atualização, lazer, retiros, etc.  com quase 100% de participação de todos os padres.

O nosso presbitério, em meio a tantos desafios, é um verdadeiro Testemunho de discípulos – que compreendeu as pegadas do Mestre, e a Ele segue, sem o doentio carreirismo e sem a inércia pastoral que afeta grande parte dos trabalhadores da vinha do Senhor; sem medo, com espírito de comunhão e profunda colegialidade presbiteral e com muita disposição ao trabalho, continuemos a doar-nos, por uma causa, uma Pessoa… Ao Colégio de Consultores minha estima, meu carinho, minha sincera Gratidão!

Também, agradecido, dirijo-me às Religiosas e Religiosos, que com seus diferentes carismas, entraram com profundidade na dinâmica pastoral de nossa Diocese, atuando com esmero, simplicidade e cumplicidade. A vossa presença amiga, orante, pastoral e profética nos faz sentir a presença do próprio Cristo Misericordioso, e, como Maria, no silêncio, intervém fazendo com que a Alegria no servir seja fecunda e profícua! Muito obrigado a todos (as)!

Aos nossos Seminaristas, a certeza de minhas orações! A minha esperança por mais operários para a Messe do Senhor passa, necessariamente, pelos nossos Seminários! Aos respectivos formadores minha gratidão e estima!

Querido Povo de Deus: Duc in altum! Avancemos para águas mais profundas! Continuemos a caminhar.  Não nos tardará a chegada do nosso futuro Bispo. É a ele, sucessor dos Apóstolos, que cabe a missão de  ensinar, santificar e governar o seu povo. Continuemos em oração e com os corações abertos para acolher aquele que virá em nome do Senhor!

Não tenhamos medo! Ai de nós se não Evangelizarmos!…

Que Senhora Santana, nossa Padroeira, e São João Maria Vianney intercedam por nós!

Com gratidão, abraço a cada um. Que Deus nos abençoe!

Cordialmente,

 

Pe. Gilvan Pereira Rodrigues
Administrador Diocesano

927 Total de visitas 2 Visitas hoje

“O rádio é a escola dos que não têm escola, é o jornal de quem não sabe ler, é o mestre de quem não pode ir à escola, é o divertimento gratuito do pobre, é o animador de novas esperanças, o consolador dos enfermos e o guia dos sãos – desde que o realizem com espírito altruísta e elevado, pela cultura dos que vivem em nossa terra, pelo progresso do Brasil.” (Edgard Roquette Pinto)



Voltar